Cinco sabotadores do sucesso

Essa semana tive a oportunidade de participar da Convenção da CDL Lajeado. Um evento com grandes palestrantes, entre eles, Clóvis de Barros Filho, Gabriel Carneiro Costa, Alfredo Rocha e Deli Matsuo. Todos os palestrantes apresentaram conteúdos diferentes e muito ricos. Mas algo que todos falaram de alguma forma foi o problema de que algumas coisas nos sabotam para atingir os resultados que queremos.

Esses comportamentos atrapalham nossa vida pessoal e profissional. Percebi com meus clientes e alunos que 5 sabotadores são mais comuns e atrapalham mais no caminho para o sucesso.

Startup Stock Photo

1. Fazem as coisas por fazer 

Há pessoas que simplesmente se deixam levar pela corrente. Não pensam no que fazem. O lema delas é deixa a vida me levar. Se todo mundo faz assim, eu também vou fazer. Esse tipo de pessoa não reflete sobre as suas atividades. E ai produz menos, faz menos atividades que desfruta ou que faz bem. Reflita: Por que faço as coisas que faço? Existe alguma maneira de fazer melhor isso?

2. Nunca terminam algo

Talvez você conheça alguém assim. Aquela pessoa que nunca termina o curso de inglês, a aula de música, o curso de de férias. Começam uma porção de atividades, mas nunca chegam ao fim. Se você não tiver a capacidade de terminar algo é melhor nem começar, porque isso irá frustar você e as pessoas ao seu redor.

3. Fogem das dificuldades

Sempre que um desafio aparece, rapidamente dão um jeito de sumirem. Normalmente este tipo de pessoa desiste do que está fazendo e começa outra coisa. Dificuldades e desafios são parte da nossa vida. Temos que encarar de frente, pensar em soluções e aplica-las. Não se pode desistir de nossos projetos na primeira dificuldade.

4. Não planejam

Você tem uma ideia e já vai começando a fazer, sem pensar em como fazer. Não separa um tempo para planejar e ver quais as possibilidades. Sem planejamento fica difícil saber para onde vai e normalmente você terá que refazer o trabalho, ou ainda vai descobrir que aquele não era o caminho. Sempre que quiser iniciar algo, pare, reflita e planeje.

5. Não partem para a ação

Ao contrário das pessoas que não planejam, existem pessoas que planejam demais e não partem para a ação. Certamente você conhece alguém que vem planejando aquela viagem dos sonhos há anos, mas nem mandou fazer o passaporte. Ou aquele amigo que sempre quis abrir uma empresa, já fez plano de negócios, conversou com várias pessoas, fez orçamentos, mas ainda está no mesmo emprego de sempre. Planejar é importante, mas planejamento sem ação é frustração na certa. Lembre-se: é a ação que fará seu projeto andar e dar certo.

Se você se identificou com algum dos sabotadores, não há problema. Estamos na metade do ano, ainda dá tempo de mudar. Se você tem algum comportamento que está atrapalhando ou que pode atrapalhar seus projetos, comprometa-se a mudar para que no final do ano você não se fruste com os resultados . Vamos lá, mude e faça deste restante do ano um período cheio de realizações.

Ps: Esse artigo foi apresentado em forma de comentário no programa espaço empreendedor da Rádio Independente com apresentação de Rogério Wink. Ouça no link abaixo o programa completo:

www.independente.com.br/controladoria-e-financas-sao-fundamentais-na-gestao-do-negocio.html